Notícias

1 de setembro de 2022

Lançamento do livro AIACOM: 30 anos de saberes, experiências e (re)existências

É tempo de celebrar! 

E o dia escolhido foi 19 de agosto, com a realização do lançamento do livro “AIACOM: 30 anos de saberes, experiências e (re)existências“, abrindo as celebrações de aniversário por essas três décadas de existência da nossa importante obra social agostiniana. 

A emoção se fez presente, pela alegria, recordações, reencontros, pela dedicação e trabalho em equipe que faz toda a diferença e que fez da noite uma linda celebração. No amplo e renovado espaço da nossa quadra poliesportiva, vestindo a camisa, todos os nossos atuais colaboradores estiveram participativos, e nas cores verde, vermelho e amarelo, formaram um afinado e emocionante coral, entoando a música “Força Estranha”, inspirada pela versão de Caetano Veloso. O público do evento também esteve composto por lideranças da nossa mantenedora SIC, ex-colaboradores e familiares da nossa equipe. 

Nas apresentações dos artigos científicos que compõem o livro, um pouco das narrativas sensíveis e profundas de quem atua e atuou no AIACOM. Com abordagens como a afetividade, aprendizagem, práticas interdisciplinares, metodologias, a arte e a cultura no palco, educação antirracista, literatura étnica e a relação com as famílias, linhas que tecem um pouco das vivências no que tange o legado deixado pelo AIACOM ao longo de sua existência. 

No audiovisual, a retrospectiva e a tradução da nossa história por meio de imagens, em diferentes fases e momentos marcantes, acompanhadas por trilhas sonoras que dialogam tão bem com a nossa caminhada. E a beleza de uma noite especial também esteve nas intervenções artísticas durante o evento, trazendo interpretações talentosas de jovens que aprendem, criam e desenvolvem no nosso fazer pedagógico diário. Um dos textos apresentados é o poema “Todos os 30 anos que cabem no futuro”, de autoria do nosso diretor religioso Frei Arthur Vianna.  A noite de homenagens, abraços, sorrisos e boas doses de nostalgia, que celebrou a vida do nosso Armazém, transmitiu os vários saberes, experiências e (re)existências que dedicamos e fomentamos por tantos anos, e esperançamos que sejam ainda melhores por mais 30 anos.

Compartilhar


Últimas notícias